Notícias

Em seu fim de semana de abertura, filme arrecadou R$ 4,2 milhões. Longa sobre garota que se torna prostituta foi visto por cerca de 400 mil pessoas.

wel info

“Bruna Surfistinha”, filme de Marcus Baldini sobre uma garota de classe média que se torna prostituta, marcou a segunda maior abertura do ano em bilheteria e público no Brasil.

Exibido em 342 salas, o longa teve 400.412 ingressos vendidos e arrecadou R$ 4,2 milhões em seu fim de semana de estreia. As informações são do site Filme B.

Com esses números, “Bruna Surfistinha” fica atrás apenas da animação “Enrolados”, da Disney. A adaptação da história da Rapunzel registrou bilheteria de R$ 7,6 milhões em sua estreia, com mais de 632 mil espectadores.

Entre as maiores aberturas do cinema nacional desde a retomada, “Bruna Surfistinha” aparece em sétimo lugar. A lista é liderada por “Tropa de elite 2”, de José Padilha, que alcançou público de 1.309.324 em sua estreia, com exibição em 703 salas.

O longa com Deborah Secco é baseado na história real da garota de programa Rachel Pacheco, autora do best-seller no qual o filme se baseia. Drica Moraes e Cássio Gabus Mendes também estão na produção.

Fonte: G1

Continue Lendo

O jeca mais descarado e sem vergonha da internet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *