13/09/2013

13 coisas que você não sabia sobre sexta-feira 13

sexta-feira 13

Descubra agora 13 fatos curiosos que nem todo mundo conhece sobre a sexta-feira 13. A origem da lenda e as curiosidades sobre esse dia tão temido. Confira!

1) A lenda mais famosa que explica o porquê de a sexta-feira 13 ser o dia de azar vem dos nórdicos. Segundo consta o mito, a deusa da beleza e do amor, Frigga, ganhou um dia para ser louvada (friggadag e, posteriormente, friday, do inglês, sexta-feira). Quando os nórdicos se converteram ao cristianismo, no entanto, padres transformara a deusa em bruxa e, por conta disso, a lenda conta que ela se reúne com 11 feiticeiras e o demônio para se vingar. As reuniões, claro, acontecem às sextas-feiras.

2) Ter medo da sexta-feira 13 é algo bem sério, muito mais do que imaginamos. Tanto que há uma fobia desta data, que até já foi nomeada: é a paraskevidekatriafobia. O nome estranho tem sentido e se origina do grego, onde Paraskeví é sexta-feira e dekatreís é 13.

3) Outras lendas também falam da origem da data: para os romanos, 13 é o número que significava morte, destruição e azar. Soma-se isso ao fato de, no século 14, a obra Os Contos de Canterbury considerar a sexta-feira como dia maldito e… Temos a sexta-feira 13, o pior dia possível.

4) Se você acredita que a sexta-feira 13 é um dia como outro qualquer, tudo bem. Mas muita gente no Brasil tem calafrios a esse dia porque foi em uma sexta-feira 13 de dezembro de 1968 que o governo militar aprovou o AI-5, o pior dos atos institucionais da ditadura militar brasileira.

5) Um estudo realizado em 2004 pela revista National Geographic revelou que nada menos do que US$ 1 milhão é perdido nos EUA durante a sexta-feira 13 porque existem muitas pessoas que simplesmente se negam a fazer qualquer tipo de negócio nesta data.

6) Se hoje em dia vírus de computadores já criam muitas dores de cabeça, imagine em 1989. Foi em uma sexta-feira 13 de janeiro daquele ano que um vírus nomeado como Jerusalém contaminou grande parte dos PCs existentes na época. Ele diminuía a velocidade da máquina em até 90% e, por conta da data no qual foi lançado, ficou conhecido como Vírus da Sexta 13.

7) Não gosta de sexta-feira 13? Pois em alguns lugares de Portugal a data é adorada. Na cidade do Porto, por exemplo, pessoas se reúnem para fazer festa e celebrar o dia. Teatros, fogueiras, banquetes e, é claro, bruxas fazem parte dos rituais de festejo.

8) A famosa franquia de filmes “Sexta-Feira 13” foi lançada em 1980 e teve seu último episódio lançado em 2009. Foram 12 (quase!) filmes lançados desde então e, no total, eles registraram nada menos do que 192 mortes. O recordista é a parte 5, na qual 22 pessoas foram assassinadas pelo Jason.

9) Se sexta-feira 13 já é motivo suficiente de azar, cruzar com um gato preto neste dia só deve piorar as coisas. E foi por isso que, em 1939, pessoas do estado de Indiana, nos EUA, penduraram sininhos nos pescoços desses bichos em uma sexta 13. Se alguém ouvisse o barulho, era só tomar a outra direção.

10) Se você quiser saber quais meses terão sexta-feira 13, é só procurar aqueles que começam em um domingo. Em 2013 isso aconteceu apenas em setembro e voltará a ocorrer só em dezembro.

11) Incomodado com os medos causados pela sexta-feira 13, um pastor de Middleton, nos EUA, resolveu usar o dia 13 de junho de 1913, uma sexta-feira, para promover casamentos de graça em sua paróquia. Tudo para deixar as pessoas mais a vontade para irem contra o seu medo.

12) Autor da ópera “O Barbeiro de Sevilha”, o compositor Rossini era reconhecidamente muito supersticioso e morria de medo de sextas-feiras 13. Por ironia do destino, ele acabou morrendo em 13 de novembro de 1868… Isso mesmo, era sexta.

13) Só para não deixar a sexta-feira 13 sozinha no calendário, é bom falar que para os italianos o dia do azar é a sexta-feia 17. Outros países mantém o dia 13, mas ao invés da sexta escolhem a terça-feira. O resto do mundo, porém, prefere morrer de medo das sextas 13.

fonte: Yahoo!